terça-feira, 27 de setembro de 2016

INTITUTO ARGONAUTA REALIZA SOLTURA DE FRAGATA E JATOBÁ




Na última quinta-feira (22), a equipe do Instituto Argonauta durante um treino de vôo realizou a soltura de um atobá juvenil macho e uma fragata fêmea, que já estavam no processo final de reabilitação.



O atobá foi encontrado na Praia da Armação, em Ilha Bela, precisando de socorro. Logo em seguida, foi resgatado pela equipe de monitoramento de praia e foi encaminhado para a Base de estabilização Argonauta em São Sebastião.
Permaneceu por 48 horas em tratamento intensivo até o dia 2 de Setembro, quando foi transportado para o Centro de Reabilitação Argonauta em Ubatuba.
Segundo Pedro Luis Bruno Filho, médico veterinário do Instituto Argonauta, acredita-se que a ave recém havia saído do ninho e estava aprendendo a viver sem a presença dos pais.
Já a fragata, foi encontrada em São Sebastião no quintal de uma casa, apresentando um comportamento apático. Populares entraram em contato e a equipe do Instituto Argonauta fez o resgate.
Após o período de reabilitação, os dois animais se recuperaram e a equipe do instituto passou a realizar treinos de vôos semanais na praia com o objetivo de fortalecer a musculatura das asas.
Assim, ambos receberam uma anilha de identificação do CEMAVE e foram soltos. Estas atividades fazem parte do PMP-BS -Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos.
O PMP-BS consiste em uma atividade de monitoramento desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Pólo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama e coordenado pela UNIVALI sob a responsabilidade do Instituto Argonauta no litoral norte do estado de SP.
A equipe do Instituto Argonauta recomenda que ao encontrar um animal marinho debilitado, o ideal é não se aproximar, pois, dependendo da espécie, pode se tornar agressivo caso se sinta ameaçado. Caso aviste um animal marinho vivo debilitado ou morto, ligue no: 0800 642 3341 ou (whatsapp) 12 9 97359167.
Sobre o Instituto
O Instituto Argonauta para a Conservação Costeira e Marinha é uma organização não governamental sem fins lucrativos, fundada em julho de 1998 pela Diretoria do Aquário de Ubatuba. Foi criado para incentivar a obtenção de recursos para projetos de pesquisa voltados à preservação do oceano.
Tem como objetivo, o desenvolvimento e o apoio à cultura e educação com ações de conservação ambiental, defesa, elevação e manutenção da qualidade de vida do ser humano e do meio ambiente.
Está sediado em Ubatuba, atua em parceria com o Aquário de Ubatuba e mantém convênio com a Petrobras desde outubro de 2011.

FONTE.......PORTAL   R3

Nenhum comentário:

Postar um comentário